imagem de topo do blog A Nossa Opinião; MAI - Liberdade e Segurança; 'Todo o indivíduo tem direito à liberdade de opinião e de expressão, o que implica o direito de não ser inquietado pelas suas opiniões e o de procurar, receber e difundir, sem consideração de fronteiras, informações e ideias por qualquer meio de expressão'.(artigo 19.º da Declaração Universal dos Direitos Humanos). [ imagem produzida pelos Gráficos à Lapa para este blog do MAI, A Nossa Opinião ]

Main menu:

Terrorismo nos mundos virtuais

14 June 2008

O uso das modernas ferramentas digitais (incluindo as próprias da chamada Web 2.0) por terroristas está a ocorrer em dimensões e formas que exigem atenção e acção eficaz de prevenção e resposta. A UE tem vindo a abordar o tema e a incluir nas medidas de combate ao terrorismo algumas especificamente viradas para a neutralização dos usos perversos das novas tecnologias.

Há, no entanto, enorme vantagem em discutir o tópico não em termos gerais, mas de forma pormenorizada, o que implica analisar em concreto as tecnologias em causa e as tendências observadas no seu uso,designadamente para recrutar e treinar.

É o que se faz nos textos e imagens seguidamente referenciados,cuja análise e discussão se revestem de urgência.

-“Meta-Terror: Terrorismo e o Mundo Virtual” (mesa-redonda organizada pela Counter Terrorism Foundation).Pode acompanhar-se o texto com a visualização uma sugestiva  apresentação feita por um dos peritos e depositada no YouTube).

-“Ciber-ameaças nos mundos virtuais e não só” (reportagem da BBC, com síntese de questões-chave, gravação de debate entre peritos e hiperligação para uma panorâmica das medidas em aplicação nos EUA)

A escola do Terrorismo (artigo de Gianni Santucci no Corriere della Sera. O  autor editou recentemente um livro sobre  o tema e o jornal oferece na mesma pa´gina hiperligação para uma infografia de síntese).

-Sobre os projectos de monitorização e detecção de actividades ilegais nas redes electrónicas e tratamento da informação recolhida, cfr o Relatório apresentado pelo Office of the Director of National Intelligence ao Congresso dos EUA, que alude na p.5 ao Projecto Reynard).

-Uma peça histórica do debate europeu é o Livro Verde sobre tecnologias de detecção publicado pela Comissão Europeia. Balanço circunstanciado e útil das ocorrências e inovações europeias neste domínio pode ler-se no estudo do Prof. f. Gregory sobre a investigação em matéria de segurança na UE.

JM

how to transfer prescriptions