imagem de topo do blog A Nossa Opinião; MAI - Liberdade e Segurança; 'Todo o indivíduo tem direito à liberdade de opinião e de expressão, o que implica o direito de não ser inquietado pelas suas opiniões e o de procurar, receber e difundir, sem consideração de fronteiras, informações e ideias por qualquer meio de expressão'.(artigo 19.º da Declaração Universal dos Direitos Humanos). [ imagem produzida pelos Gráficos à Lapa para este blog do MAI, A Nossa Opinião ]

Main menu:

Mais segurança na Baixa do Porto

12 February 2008

A Associação de Bares da Zona Histórica do Porto foi recebida ontem no MAI, um encontro que possibilitou uma frutuosa troca de impressões sobre  as medidas a tomar para que se continue a reforçar a segurança na zona, depois da instalação do sistema de videovigilância na zona histórica da Ribeira, que vai funcionar nesta fase com 14 câmaras de vídeo e que está prestes a entrar em funcionamento.

Nunca é demais aumentar os patamares de segurança para  prevenir e combater a criminalidade  e restabelecer e reforçar a confiança e a tranquilidade dos cidadãos que utilizam os espaços públicos. Trata-se de uma questão fundamental que está no centro das preocupações do Governo e do Ministério em particular.

Neste sentido, o MAI tem estimulado  o diálogo e parcerias com as autarquias, com as associações de empresários e outras entidades, procurando encontrar as melhores formas de agir e as melhores soluções para garantir o sentimento de confiança e tranquilidade das populações,  a par das boas práticas policiais sempre com o objectivo de conferir ainda maior eficácia na prevenção e repressão da criminalidade.

No encontro com o MAI, a Associação de Bares da Zona Histórica do Porto sugeriu que  agentes da PSP possam, nas horas vagas, fazer  policiamento remunerado nas ruas junto de estabelecimentos de diversão nocturna, proposta que foi bem recebida, estando a ser encarada a forma de a tornar exequível numa lógica de complementaridade das restantes medidas adoptadas e nomeadamente do programa de videovigilância em curso.

Como tive oportunidade de referir,  o policiamento remunerado não serve para desviar polícias da sua missão mas pode servir para reforçar zonas de risco, e é possível atingir um equilíbrio legal e ético, que garanta uma boa solução para todos.

JM
 
Ver notícias

Agentes nas horas vagas a policiar diversão à noite  (DN)

Porto: Videovigilância elogiada (CM)

REFORÇO SEGURANÇA MAI recebe «com agrado» projecto de bares do Porto (TSF)

MAI recebe “com agrado” projectos de empresários (Acoreano Oriental)

how to transfer prescriptions