imagem de topo do blog A Nossa Opinião; MAI - Liberdade e Segurança; 'Todo o indivíduo tem direito à liberdade de opinião e de expressão, o que implica o direito de não ser inquietado pelas suas opiniões e o de procurar, receber e difundir, sem consideração de fronteiras, informações e ideias por qualquer meio de expressão'.(artigo 19.º da Declaração Universal dos Direitos Humanos). [ imagem produzida pelos Gráficos à Lapa para este blog do MAI, A Nossa Opinião ]

Main menu:

Lisboa celebra “Europa – Liberdade e Segurança”

24 December 2007

Lisboa celebrou a abolição das fronteiras  na União  Europeia. Este alargamento do Espaço Schengen aos nove novos Estados-membros da União Europeia  foi assinalado com uma Festa Popular que se realizou no domingo, dia 23 de Dezembro, entre as 15h00 e as 18h00, na Praça do Comércio e na qual participaram centenas de pessoas.

Na ocasião, o Ministro da Administração Interna procedeu à entrega da medalha de mérito “Liberdade e Segurança na UE” aos  elementos da equipa do SEF e do MAI e da REPER e da empresa Critical Software  que participaram no projecto SISone4ALL,   como reconhecimento  do seu  “contributo notório, empenhado e decisivo para a construção e aprofundamento da União Europeia, enquanto espaço de livre circulação dos cidadãos, designadamente através da concretização do projecto SISone4ALL, que permitiu a adesão de novos Estados-membros ao Espaço Schengen”.

A abolição dos controlos de fronteiras, nos nove novos estados membros da União Europeia (República Checa, Eslováquia, Eslovénia, Estónia, Letónia, Lituânia, Hungria, Malta e Polónia) foi aprovada na reunião do Conselho JAI (Justiça e Assuntos Internos) que se realizou em Bruxelas, no passado dia 6 de Dezembro e foi assinalada com cerimónias em diferentes pontos de fronteira, nos dias 21 e 22 de Dezembro.

Nos festejos realizados na Praça do Comércio, em colaboração com a Câmara Municipal, actuaram as Bandas Sinfónicas da GNR e da PSP, num programa que atraiu muita gente ao Terreiro do Paço e que  incluiu ainda a actuação da Charanga a Cavalo da GNR, composta por 24 cavalos, a exibição dos motociclistas GNR (carrossel, composto por 16 motos); e ainda a exibição do Grupo Operacional Cinotécnico, binómio de 12 cães e respectivos tratadores da PSP.

A celebração culminou com a  execução do Hino Europeu pelas duas bandas Sinfónicas, acompanhando um espectáculo multimédia  alusivo à construção europeia. rematando com uma sessão de fogo de artifício, no Cais das Colunas.

Entretanto, esteve patente –  instalada em duas torres frente ao Arco da Rua Augusta- uma exposição que assinalava os 50 anos da história da União Europeia, desde 1957 a 2007 , e evolução das fronteiras.

Video thumbnail. Click to play
Click To Play

how to transfer prescriptions